DESENVOLVENDO O PODER PESSOAL,

A SABEDORIA E A PRESENÇA

O arco e flecha foram usados nos primórdios da civilização nas atividades de caça e guerra.

Um guerreiro eficaz, deveria dominar não somente a técnica de manejo do arco e da flecha, mas também as forças internas, os estados emocionais que emergiam no seu interior, durante as batalhas, ou nas caçadas.

 

O arqueiro representa o arquétipo de alguém que reúne habilidades aparentemente díspares.

Há um só tempo, expressa coragem, foco, determinação e sensibilidade, delicadeza.  Flexibilidade, destreza, expressividade de um lado, escuta e sabedoria do outro; percepção sutil e presença no agora.

 

Por esta razão a filosofia Zen Budista, adota com frequência a imagem do Arqueiro Zen, como símbolo de quem já atingiu um grau de evolução capaz de manter a paz e a serenidade em qualquer circunstância.

 

Não é por acaso que o nome deste sistema seja ARCO.

Para que o alvo seja atingido, o arqueiro, o arco e a flecha estão numa íntima relação.

 

Implícita à palavra arco, está a ideia de tensão. O maior insight deste Sistema é perceber na natureza dual de todos os fenômenos, uma tensão.

 

Uma flecha só consegue avançar em direção ao alvo, se é impulsionada pela tensão da corda, sustentada pela força do arco.

É o arco que possibilita que a tensão da corda impulsione a flecha para que ela avance.

Se a tensão é insuficiente, a flecha é incapaz de avançar em direção a seu propósito.

Se o arco é fraco a tensão da corda o romperá e a flecha igualmente não será capaz de avançar.

 

Em tudo que se manifesta é possível perceber a natureza dual dos fenômenos.

Em tudo há uma tensão decorrente de uma polaridade, de um antagonismo.

Nos átomos, prótons e elétrons estão em equilíbrio dinâmico; nos planetas, uma tensão mantém o cosmos em movimento.

 

Se todo o Universo funciona desta maneira, internamente não somos diferentes.

Nossas Forças internas precisam ser equilibradas para gerar movimento, e embora isto a princípio pareça óbvio, na prática não o percebamos.

No livro “A Arte Cavalheiresca do Arqueiro Zen” uma passagem ilustra esta dificuldade.

Diante do insucesso em alcançar o alvo, o mestre Zen diz a seu dedicado e persistente discípulo: “O seu insucesso vem de uma vontade demasiadamente ativa”.

 

Aquilo que o mestre zen aponta como o problema é um dos maiores valores de nossa cultura.

Somos   praticamente bombardeados de conselhos, ensinamentos, livros que nos ensinam a ter uma vontade demasiadamente ativa, com foco em nossos objetivos, capacidade de avançar, de conquistar, de empreender, de possuir. Mas sem desenvolver a polaridade oposta a estes atributos, relacionados ao LESTE, corremos o risco de apesar de muitos esforços, de muitas intenções genuinamente verdadeiras de querer acertar o alvo, muitas vezes não conseguir.

 

E assim como nas palavras do mestre Zen, não estaríamos menosprezando a polaridade oposta, o OESTE,  que dá equilíbrio à uma vontade demasiadamente ativa?

 

É  isto que nos ensina o ARCO DA CURA.

Perceber a natureza dual de todos os fenômenos e a sua dinâmica.

Aprender a encontrar dentro das tensões que se manifestam na forma de arcos o ponto de equilíbrio capaz de lançar verdadeiramente a nossa flecha em direção ao alvo.

Direcionar melhor nossos esforços, compreender melhor nossas divisões internas, desenvolver melhores ferramentas de integração e cura.

Sem isto, podemos errar o alvo e a direção e de nada adianta avançarmos rapidamente num caminho, se não estivermos na direção correta.

 

O EQUILÍBRIO É O MAIS IMPORTANTE ATRIBUTO RELACIONADO AO SISTEMA ARCO DA CURA

Integrar os ARCOS é parte do nosso Processo de Individuação, pois é nele que reside a TOTALIDADE psíquica.

 

Três importantes arcos precisam ser internamente integrados para que possamos de fato lançar a nossa flecha:

O ARCO LESTE OESTE que corresponde a uma Jornada de Poder Pessoal, por isto mesmo denominado JORNADA DA ÁGUIA ,

O ARCO SUL NORTE que corresponde ao desenvolvimento da Sabedoria, por isto denominado EM BUSCA DA PÉROLA

O ARCO ACIMA ABAIXO que corresponde ao desenvolvimento da PRESENÇA, por isto denominado EM BUSCA DA PRESENÇA.

E é o coração o ponto fundamental a ser alcançado, para que possamos equilibrar toda a dualidade que se manifesta em tudo que está em nós. Ele é o ponto ZERO, onde a dualidade é transcendida, o ponto onde a flecha pode ser lançada.

 

Ao responder às perguntas:

Nossa REALIZAÇÃO, nossa EXPRESSÃO, nosso CAMINHAR tem coração?

Desenvolvemos o PODER PESSOAL, A SABEDORIA E A PRESENÇA, atributos que só se expressam quando o ARCO DA CURA está em equilíbrio

INFORMAÇÕES SOBRE
DATAS E LOCAIS 
EM BREVE

FORMAS DE PAGAMENTO

O valor da inscrição deverá ser pago a vista, no ato da inscrição pelo site, ou através de depósito bancário .

Para depósito bancário :

Konektar Treinamento e Organização de Eventos.

Banco: CEF

AG.: 2984

Operação: 003

Conta corrente: 3513-1

INFORMAÇÕES: 
SANDRA SOUZA (31) 98820.5281 TEREZA RAQUEL (31) 99971.7312 contato.konektar@gmail.com

Aldeia Nativa é um espaço terapêutico, criado por DENISE MASCARENHAS, localizado na região metropolitana de Belo Horizonte.

PROPOSTAS

Tem a proposta de inspirar as pessoas a buscarem aquilo que lhes correspondem, a serem aquilo que vieram ser, a despertarem seus potenciais, ouvirem seu coração  e soltarem as suas asas.  

O que você vai aprender no curso?

Compreensão da DINÂMICA DOS ARCOS

Formas individualizadas de EQUILIBRAR estas energias.

Reconhecimento dos pontos de Obstrução do FLUXO DO AMOR.

INTEGRAÇÃO das polaridades para restabelecimento do Fluxo de sua energia.

QUEM PODE SE BENEFICIAR
DESSE SISTEMA?

Ao proporcionar aos participantes uma VISÃO e COMPREENSÃO de seus
processos internos,
entrega FERRAMENTAS importantes para que cada um possa se responsabilizar
pelos seu próprio crescimento.
                                                                         

DESENVOLVENDO O PODER PESSOAL,

A SABEDORIA E A PRESENÇA

quem é denise mascarenhas

Denise Mascarenhas é escritora, palestrante, terapeuta holística, e criadora do espaço terapêutico de Desenvolvimento Humano, Aldeia Nativa. Em seu curso, Os Sete Portais da Sabedoria Nativa, ela resgata das culturas Ameríndias, práticas e comportamentos que contribuem para uma vida mais harmoniosa consigo mesmo, com os outros e com a natureza. Denise ainda é autora dos Livros “Da Timidez à Expressão de Si Mesmo” e “Em Busca da Pérola”.

depoimentos

Foi na Aldeia Nativa que me dei conta de que tinha um caminho diferente a percorrer: era o caminho para dentro de mim. E foi lá também que comecei a trilhar este caminho. E é para lá que sempre volto quando quero retomar o meu rumo.

Denise tem um dom especial que une simplicidadem objetividade, amorosidade e perspicácia. Somos instigados a nos desafiar e ao mesmo tempo nos sentimeos seguros num ambiente acolhedor e profissional.

A sensação que tenho é que,em qualquer momento em que eu voltar à Aldeia, com pessoas conhecidas ou não, me sentirei em casa. São uitas amizades, reflexões, crescimentos.

Gratidão eterna à Denise e à Aldeia Nativa. 

Marcos Mudado - Administrador de Empresas, Servidor Público, especialista em gestão de pessoas, Gestor da CSA Nossa Horta.

Falar da Aldeia Nativa é falar da Denise Mascarenhas, essa mulher guerreira , amorosa,generosa, guardiã não só da aldeia, mas de muitos corações,tenho certeza, o meu é um destes!

Aldeia significa, pequeno povoado no dicionário, mas em se tratando da Aldeia Nativa, os limites dela vai alem dos portões, porque no tempo em que fiz os trabalhos com a Denise, conheci vários corações de terras distantes!

Falar da aldeia Nativa é relembrar do caminho. Foi assim comigo, passando por um momento desafiador ,de medos, panicos, dependências afetivas, e sem muito rumo( o que os índios" chamam de noites escuras da alma"), eis que o Grande Espírito, coloca em meu caminho, esta mulher e este lugar. Mulher de um coração aberto e um lugar de bençãos, onde pude resgatar meu poder pessoal e aos poucos meu amor próprio, voltar a casa do pai,de forma simples e eficiente, porque é assim os trabalhos e vivências desenvolvidos na Aldeia Nativa.

Andreia Simone Alves.

Terapeuta holística.

(31)  99971-7312
(31)  98820.5281

Sandra Maria Alves de Souza | CPF: 60945532687 · Rua Carangola, 120 · Santo Antônio · Bhte / MG 

contato.konektar@gmail.com | tel de contato (31) 35473382 (31) 982205281

 A confirmação da inscrição será enviada paras o  e-mail cadastrado, assim que for aprovado o pagamento. 

O cancelamento da inscrição feito até 15 dias antes do evento, terá a devolução de 70% do valor pago. Depois deste prazo, o valor não poderá ser reembolsado, ficando o crédito para se inscrever no próximo  curso  no mesmo ano.

Site desenvolvido © 2017 

by Marcelo Gontijo para KONEKTAR